Autoestima

AutoestimaA autoestima nada mais é do que se sentir bem consigo próprio e, a partir disso, desenvolver a confiança em si mesmo. Esta confiança cria a autoestima, e uma se alimenta da outra. Se você mantiver este ritmo, conseguirá praticamente qualquer coisa.

Como a autoestima decorre do que você pensa a seu respeito, você tem a liberdade de pensar o que quiser. Então por que se depreciar?

Você nasceu extremamente confiante. Sabia que era o centro do Universo. Não tinha medo de pedir o que desejasse; expressava livremente suas emoções. Sua mãe sabia quando você tinha fome ou sentia qualquer desconforto. E quando você estava feliz, seu sorriso iluminava tudo ao seu redor. Era repleto de amor e confiança.

Bebezinhos morrem se não receberem amor. Ao crescermos, aprendemos a duras penas a viver sem amor, mas nenhum bebê aguentaria isso. Os bebês amam cada centímetro do corpo. Não sentem culpa nem vergonha, e não fazem comparações. Sabem que são únicos e maravilhosos.

Você foi assim. E então, em algum ponto da infância, seus pais, embora bem-intencionados, lhe transmitiram sentimentos de insegurança e incutiram-lhe medo com críticas, ameaças e punições. Você começou então a negar suas magníficas qualidades. Esses pensamentos negativos a seu respeito nunca foram verdadeiros, e certamente não o são agora. Por isso quero conduzir você de volta ao tempo em que sabia como se amar. Vou lhe ensinar os exercícios diante do espelho. Não os ridicularize antes de experimentá-los. Funcionaram comigo, funcionaram com milhares de pessoas, posso testemunhar.

Os exercícios diante do espelho são simples e poderosos. Trata-se apenas de olhar-se num espelho enquanto faz afirmações. Os espelhos nos devolvem nossos verdadeiros sentimentos. Na infância, a maior parte das mensagens negativas foi recebida dos adultos, muitos deles nos olhando diretamente nos olhos e talvez até nos ameaçando com um dedo apontado. Hoje, a maioria de nós, ao olhar para o espelho, diz algo negativo: “Como estou com a cara amassada”, “Como estou envelhecida”. Criticamos nossa aparência ou nos depreciamos por algum outro motivo.

Olhar-se nos olhos e fazer uma declaração positiva é uma das maneiras mais rápidas de obter resultados positivos com as afirmações. Peço às pessoas que se olhem nos olhos e digam algo positivo sobre si mesmas sempre que passarem na frente de um espelho.

Se algo desagradável lhe acontecer durante o dia, vá para a frente do espelho imediatamente e diga: “Amo você de qualquer maneira.” As coisas vêm e vão, mas o amor que sentimos por nós pode ser constante e é o que possuímos de mais precioso. Se acontecer algo sensacional, vá para a frente do espelho e agradeça sorrindo. Reconheça seu mérito, elogie-se, valorize-se.

Logo que acordar e ao se deitar, vá até o espelho, olhe-se nos olhos e diga: “Amo você, amo de verdade. Eu aceito você exatamente como é.” Pode ser difícil no início, mas persista, e em pouco tempo esta afirmação se tomará verdadeira para você. Vai ser divertido!

Você descobrirá que, à medida que seu amor-próprio cresce, você se respeitará e se fará respeitar melhor, e todas as mudanças que desejar serão mais fáceis de realizar, se forem as mudanças que contribuirão para o seu crescimento. O amor nunca está no exterior – está sempre dentro de nós. Quanto mais amor dermos aos outros, mais amor receberemos.

Portanto, escolha ter novos pensamentos a seu respeito e escolha novas palavras para dizer a si próprio, o quanto é uma pessoa excelente que merece tudo de melhor que a Vida tem a oferecer.

Louise L. Hay

 

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s