Harmonize sua energia e vibre sem restrições

Harmonize sua energia e vibre sem restriçõesA natureza é abundante. Há muita água, muitas árvores, muitas flores e muitos frutos. Há muitos peixes, muitas espécies, muitos humanos e muita terra.

A terra é grande e se os recursos forem utilizados corretamente, dá para todos. Todos podem ter tudo, literalmente.

E porque não têm?

É difícil perceber isto, mas a verdade é que o ser humano não tem o que precisa porque vibra pela restrição.

Para simplificar vou dizer-te o seguinte: o ser humano não tem porque tem medo de não ter. Parece irônico, não é? Mas é verdade.

Mesmo os homens que detêm mais poder têm medo de perdê-lo. Então agarram-se a ele de tal forma, que desvirtuam o propósito que os levou lá.

Mesmo os homens que detêm os maiores bens. Assim que os alcançam, mudam de vibração. Passam a ter medo de os perder. Até podem morrer ricos, mas aquele medo no peito, aquela insegurança, vai minando as células emocionais. Morrem ricos, mas assustados. Passam a vida toda angustiados. Tentam manter. Manter é mais difícil do que alcançar.

E quem não tem nada? Quer ter! Luta, batalha, humilha, emite energia de restrição. Quem não tem, quer ter. Quem tem, quer manter. Restrição pura. Em nome disso, homens lutam contra homens, homens maltratam homens, homens humilham homens. Restrição pura.

A vida é um hino à Natureza. A vida é uma homenagem à própria vida. Se souberes que nada é teu, que tudo o que a vida te empresta é para ser vivido, aproveitado, “curtido” até à última gota. De bom e de mal. Não querer chegar a lado nenhum, querer apenas estar, ser, se possível, feliz; se não, processar todas as dores para que elas desapareçam depressa e um novo dia surja.

Não fugir das dores, não! Chorá-las.  Fazer o luto de cada dia, de cada coisa, e só depois seguir em frente. Não deixar nada para sentir depois. Não deixar nada para trás. O peito vai ficando limpo. O coração vai ficando calmo. As emoções vão ficando em dia. As lágrimas, depois que saem, dão lugar a um sorriso largo.

Deixar de vibrar pela restrição é saber que o dia de hoje é único e nunca mais vai voltar. E o dia de hoje é sempre uma grande oportunidade de viver. E se for bem vivido, o amanhã será ainda melhor.

Alexandra Solnado

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s