Nas encruzilhadas é que nos perdemos.

Nas encruzilhadas é que nos perdemosO que fazer agora? Seguir pela estrada com mais sinais de ser a certa, ou ir pela outra, uma simples trilha que parece não levar a lugar algum?

Na maioria das vezes escolhemos o caminho que apresenta melhores condições de segurança como boa pavimentação, boa sinalização. A outra pode apresentar muitos riscos e tem um ar de imprevisibilidade.

Aprendemos que as melhores escolhas são aquelas que nos mostram os sinais conhecidos que denotam condições mais seguras.

Mas por que, se até hoje sempre procuramos seguir pelas melhores estradas, ainda não atingimos o nosso destino?

Ao invés da tranquilidade de chegar ao local da paz, nos deparamos invariavelmente com outra bifurcação, onde nosso pensamento novamente se divide, onde novamente temos uma escolha a fazer?

Talvez um dia resolvamos afastar as sombras de nosso olhar que imagina perigos e sofrimento, e, ao menos por aventura, experimentemos ir por aquela pequena estrada cheia de buracos e barreiras.

Enfrentar o que nos causa medo e insegurança é o melhor caminho para alcançar nosso verdadeiro ser.

José Batista de Carvalho

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s